quarta-feira, 29 de abril de 2009

Hoje quem lecciona sou eu.

-André, senta-te. Quero ensinar-te uma coisa que eu só espero que te ajude no futuro, quando cresceres, entendes? Eu sei que sim, és demasiado parecido comigo nesse aspecto. Quando tiveres amizades que valham a pena, agarra-te a elas, não as deixes escapar, engole todo o orgulho se tiver de ser, mas agarra-te. Mas há também aquelas em que já não vale a pena porque um dos corações está tão cheio de raiva (nota que raiva é passageiro, eu não disse ódio, não te ponhas para aí a odiar pessoas, nada de bom advém disso) que nem sequer é racional, nem sequer se esforça por compreender o outro coração, simplesmente desiste. Esses são os fracos, os que desistem das coisas na vida sem tentarem. Podem desistir de muitas coisas, de amizades, de carreiras, de namoros, de viverem. Quando acontece isso, deves tentar na mesma, podes até voltar a engolir o orgulho todo. Mas não te humilhes, não mintas, eu nunca o fiz e orgulho-me muito disso.


Sabes, tens de perceber que ninguém é feito de uma coisa só. Todas as acções que as pessoas fazem, tem por trás uma complexa rede de pensamentos, pessoas e momentos que condicionam todas as acções. Portanto, nunca julgues o que não compreendes totalmente. E se mesmo não conhecendo estiveres mesmo mesmo chateado (porque tens direito) e quiseres explodir, tem cuidado com os corações dos outros. São tão importante quanto o teu, não podes andar por aí a magoar pessoas. Isso não se faz. Entendes o que te estou a tentar explicar?




- Sim mana. Mas agora posso voltar pó Disney Channel? É que vai começar o "Hotel doce Hotel".



(Suponho que era o meu dever de irmã ensinar-lhe o bocadinho sobre a vida que aprendi.)










E parece que os astros sempre se alinharam porque hoje,

o professor pôs-me a vocalizar em "I hate you" e cantei

com toda a minha pujança.

13 rascunhos alheios:

Marianinha disse...

É por estas coisas que eu acho que és uma Super-Mulher e que te amo de coração. É por seres assim, forte como és :) *

amo-te, e londres é daqui a uma semana portanto vamos começar a bater mal :D

Joana Éme. disse...

A tua genialidade atrapalhou-me mas uma segunda leitura bastou para me esclarecer. O teu cérebro é cá uma coisa, T!
Um dia destes sento o Zé Miguel e vou educa-lo também, aprendendo com a melhor.


;)

Paladar disse...

O André tem muito sorte por ter alguém que lhe ensina "coisas boas".
Aposto que és um rapariga fantástica e com um coração enorme.

Beijinho

baby piggy disse...

Quem me dera ter aprendido assim também. És uma excelente irmã :D e concordo com o que a Mariana diz, uma Super-Mulher. *

disse...

acho que agora me dava jeito uma irmã que me ensinasse assim. fazia-me tanta falta.
és mesmo uma Super-Mulher :)
um beijinho*

Nuno Rodrigues disse...

Grande irmã. È assim mesmo, desde pequeno.
E ainda por cima ajuda-te a cantar.
(obrigado pelo comentário)

baby piggy disse...

Fizeste uma grande constatação de facto! Ainda bem, ainda bem que me disseste isto.

Alex Azevedo disse...

I'm very happy that you are teaching Andre that not all men have to be bastards when they grow up. I hope he learns alot from you.
Kisses
Mum

Joana Éme. disse...

:D porque é que eu amo a senhora tua mãe?

Nem todos os Andrés têm de ser Retaaaaaaar.. uns quantos podem salvar a honra do nome e o teu irmão há-de aprender imenso contigo, meu bem. :')

Mara disse...

Eu gostava de ter um irmão ou irmã a quem ensinar.
Ou um que me ensinasse a mim.
A tua boa acção do dia está completa =D

Margarida disse...

que irmã :D

Joana Éme. disse...

Obrigada.



abraçava-te agora até dizeres que não respiras com o meu cabelo.

Nuno disse...

Este texto pôs-me a chorar...

 

Letras e Tons | Creative Commons Attribution- Noncommercial License | Dandy Dandilion Designed by Simply Fabulous Blogger Templates